Concurso TJ RS 2019 – Inscrições Abertas





As inscrições para o certame do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul seguem abertas até o dia 5 de novembro de 2019.

Se você tem interesse em se tornar servidor público, confira aqui uma boa oportunidade. No dia 4 de outubro (sexta-feira), foi publicado no Diário Oficial o edital que regulamenta o novo concurso do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS). A oportunidade é para quem tem ensino médio completo. A remuneração é na faixa de R$ 9,3 mil e as provas estão previstas para o mês de fevereiro de 2020. O prazo de inscrição terminará em novembro. Essa é uma ótima chance de ingressar na gestão pública e conquistar estabilidade laboral e financeira. Saiba mais informações a seguir.

As inscrições são realizadas exclusivamente pela internet

Quem está interessado em concorrer a uma das vagas previstas no edital do concurso do TJ RS deve acessar o endereço eletrônico da FGV – Fundação Getúlio Vargas (fgvprojetos.fgv.br/concursos/tjrs2019), empresa contratada como banca organizadora do certame, a fim de efetuar o seu cadastro. O prazo de inscrição teve início em 7 de outubro e será encerrado em 5 de novembro (terça-feira). O valor da taxa para participar do processo seletivo é de R$ 86. O boleto pode ser quitado até 16 de dezembro (quinta-feira).




Aqueles candidatos que são portadores de necessidades especiais (PNE) e que tiverem renda mensal per capita de até 1,5 salário mínimo pode solicitar isenção do pagamento.

Sobre as oportunidades anunciadas no edital do concurso TJ RS

O cargo disponível no TJ do Rio Grande do Sul é o de oficial de justiça. Os concorrentes que forem aprovados vão ingressar na classe O da carreira e vão receber o vencimento básico de R$ 5,6 mil. Além disso, há os seguintes benefícios: gratificação, auxílio-condução e risco de vida.


No total, são ofertadas 3 vagas, sendo 1 para ampla concorrência, 1 para pessoas com deficiência e 1 para quem se autodeclarar preto ou pardo.

Para concorrer na condição de cotista PNE, você deve enviar laudo médico no ato da inscrição.

Se você concorrer para as vagas que não são de ampla concorrência, fique ciente que será avaliado em perícia.

Além disso, haverá formação de cadastro reserva e pode haver nomeação durante o período de validade do certame, que é de 2 anos e pode ser estendido por igual período, uma só vez, contando da data em que for homologado e a depender do interesse do órgão do Poder Judiciário.

Quais são os requisitos para tomar posse no TJ RS?

Além de ser aprovado no concurso, é necessário ter escolaridade compatível com o cargo e atender aos seguintes requisitos: ser brasileiro, ter idade mínima de 18 anos, ter aptidão mental e física, estar em dia com as obrigações da justiça eleitoral, estar em pleno gozo dos direitos políticos e civis, estar quite com as exigências militares, se for do sexo masculino, entre outros.

Sobre as atribuições do Oficial de Justiça do TJ RS

O oficial de justiça tem como responsabilidades: cumprir mandatos judiciais, ordenar processos, atender advogados, efetuar prisões, conforme determinado, auxiliar o Secretário de Câmara, entre outras atividades.

Sobre a prova do concurso público do TJ RS

Os candidatos serão avaliados em uma prova objetiva com 80 quesitos sobre as seguintes matérias: português, informática, direito constitucional, processual civil, penal, civil e processual penal, legislação administrativa e legislação especial.

A data programada para realização da prova de múltipla escolha é no domingo 16 de fevereiro de 2020 e ocorrerá na capital do estado, no município de Porto Alegre. Os concorrentes terão 4 horas disponíveis, no turno da manhã, para resolver as questões e realizar a marcação do cartão de resposta, pois não haverá tempo adicional.

Saiba mais informações do processo seletivo do TJ RS

Para conferir outros detalhes do edital e realizar seu cadastro na seleção, acesse o site da FGV (fgvprojetos.fgv.br/concursos/tjrs2019).

Por Melisse V.

Concurso