Concurso Previsto PM MS 2018 – Edital em Breve

     

Certame poderá ofertar 450 vagas para cargos de Oficial de Saúde, Oficial Combatente e Soldado.

Foi confirmado recentemente que haverá um Concurso da Polícia Militar do Estado do Mato Grosso do Sul. A confirmação veio por meio do atual Governador do Estado, Reinaldo Azambuja.

Embora o edital ainda não tenha saído, estima-se que sejam ofertadas aproximadamente 450 oportunidades de emprego pela FAPEMS. Ainda segundo o Governador, o edital tem prazo para sair até o dia 13 do mês de abril.

Dessa forma, caso o leitor esteja interessado em participar do concurso público ou conhece alguém que sempre teve o desejo de ingressar na PM de Mato Grosso do Sul, não perca a oportunidade, pois chegou a grande hora. Por isso, acompanhe as informações abaixo que podem servir de auxílio.

Sabe-se que até o momento, falta somente a assinatura do contrato entre o Estado e a banca organizadora, responsável por coordenar cada uma das etapas de seleção. Desse modo, a instituição escolhida para se responsabilizar pelo certame foi a FAPESMS.

O objetivo do concurso público é aumentar o número de policiais militares por todo o território estadual. Isso porque, de acordo com o Secretário de Administração e Desburocratização, nos últimos tempos, houve muitas reclamações por parte dos comandantes que manifestaram o seu descontentamento com a escassez de policiais. Eles afirmam que o número atual de profissionais é inferior aos casos que atendem diariamente. Dessa forma, os policiais acabam ficando sobrecarregados, além de expor mais ainda suas vidas aos perigos.

Além disso, devido à aposentadoria de militares, é necessário fazer uma constante reposição de profissionais para os cargos que foram desocupados.

Sendo assim, segundo o Governador, a cada ano, a Polícia Militar deve ganhar aproximadamente 500 militares para atuarem em todo o espaço territorial do Mato Grosso do Sul, isto é, tanto em cidades metropolitanas quanto em aquelas mais interioranas. O fato, é que isso deve acontecer nos próximos dez anos, pois faz parte de um plano realizado com o intuito de reestruturar as forças de segurança do Estado. Dessa forma, o Estado planeja realizar concursos públicos para a seleção de novos militares e bombeiros pelos próximos dez anos.

Atualmente, é inegável que, em termos de segurança pública, o estado do Mato Grosso do Sul é um dos líderes em todo o país. Isto é, mesmo que a Polícia Militar venha já há um tempo trabalhando com um número de profissionais nas ruas bastante inferior ao necessário, os dados coletados nos últimos meses, comprovam que houve uma redução no número de boletins de ocorrência envolvendo a violência.

Vale ressaltar ainda que do total de 450 vagas, 12 delas são destinadas ao cargo de Oficial de Saúde, outras 50 vagas para Oficial Combatente e, por fim, as 390 vagas restantes são para Soldado.

Como o edital ainda não foi publicado no Diário Oficial, por hora, não se pode afirmar quais são as exigências para que se possa participar do concurso. No entanto, caso as normas do último concurso, que foi realizado em 2013, permaneça, os candidatos devem possuir, no mínimo, a formação completa do ensino médio. Além disso, foi exigido do candidato possuir Carteira Nacional de Habilitação na categoria B, ou seja, que possibilita ao condutor a direção de veículos e altura mínima para homens e mulheres.

Assim que o edital for publicado, é bem provável que as inscrições saiam em seguinte.

Dessa forma, aqueles que pretendem participar devem estar bem preparados para participar das etapas de seleção que são dividas em etapas, sendo a primeira delas a prova objetiva, que deve ser formada por questões de conteúdos como Matemática, Língua Portuguesa, Atualidades e Noções de Informática.

Por Ana Paula Oliveira Coimbra