Concurso PM-MG 2015 tem 640 vagas de emprego abertas

     

A Polícia Militar do Estado de Minas Gerais (PM-MG), em parceria com a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão – SEPLAG e com o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC, realizam a divulgação de um novo edital de concurso público que prevê realizar o preenchimento de diversas vagas efetivas.

A meta principal para a criação desse certame é preencher 640 vagas para as carreiras de Professor da Polícia Militar e de Analista. Todos os interessados precisam ter mais de 18 anos e a formação de nível superior.

As principais vagas que estão abertas são para exercer a função de Professor nas seguintes áreas de atuação:

– Professor de Educação Básica, Professor de Artes, Professor de Ciências, Professor de Biologia, Professor de Educação Física, Professor de Ensino Religioso, Professor de Filosofia, Professor de Física, Professor de Geografia, Professor de História, Professor de Língua Estrangeira Moderna – Inglês, Professor de Língua Portuguesa, Professor de Matemática, Professor de Química e Professor de Sociologia.

Outras ofertas são para atuar como Especialista da Educação Básica-Orientador Educacional, Supervisor Pedagógico, Analista de Gestão da Polícia Militar e Analista de Gestão da Polícia Militar.

Aqueles que forem aprovados vão receber o salário que varia de R$ 2.057,19 a R$ 2.571,49, além de todos os benefícios. A jornada de trabalho ser de 8 a 24 horas por semana, e isso é de acordo com a área de atuação.

Caso tenha interesse em uma das ofertas, saiba que as inscrições estarão sendo recebidas até o dia 1º de fevereiro de 2015. Acesse agora mesmo o site da empresa responsável pela organização das etapas do processo que é www.ibfc.org.br, preencha seus dados. Após faça o pagamento do valor da sua taxa de inscrição de R$ 40,00 ou R$ 45,00.

No dia 15 de março de 2015 será aplicada a prova objetiva de múltipla escolha para a seleção dos novos funcionários da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais. Depois todos deverão passar pela avaliação de títulos. 

Por Yasmin Fernandes Robles