Concurso PGE PE 2018 – Inscrições, Vagas

     

Certame oferta 10 vagas para p cargo de Procurador.

Se você possui formação de nível superior na área de Direito e estuda para seguir a carreira pública e obter um bom salário, confira aqui uma ótima chance. No estado de Pernambuco, a Procuradoria Geral do Estado (PGE PE) divulgou no diário oficial do dia 17 de janeiro (quarta-feira) o edital para seu próximo certame. A remuneração oferecida é na faixa de R$ 13 mil. Saiba mais detalhes a seguir.

Como posso realizar minha inscrição?

Quem estiver interessado em participar da seleção da PGE PE deve acessar o endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos para efetuar o seu cadastro. O prazo terá início em 23 de janeiro (terça-feira) e vai até o dia 2 de fevereiro (sexta-feira).

O valor da inscrição é de R$ 210. O boleto pode ser quitado até o dia 9 de fevereiro (sexta-feira) em quaisquer bancos, agências dos Correios ou casas lotéricas. Mas quem for inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) poderá solicitar isenção até o dia 25 de janeiro (quinta-feira).

A banca escolhida para organizar o concurso da PGE PE é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), instituição antes conhecida como Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/ UnB).

Oportunidades na Procuradoria do Estado de Pernambuco

O cargo disponível é o de Procurador do Estado de Pernambuco. O principal requisito para exercer essa função é ser bacharel em Direito. Além disso, é necessário possuir registro ativo na ordem dos advogados do Brasil (OAB). Confira outras exigências previstas no edital: estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, se o candidato for do sexo masculino, não possuir antecedentes criminais, ter nacionalidade brasileira, possuir no mínimo 18 anos de idade na data da posse, entre outras.

O salário inicial é de R$ 13.648,64. Além disso, os servidores terão direito a benefícios, entre eles a gratificação de produtividade. A jornada de trabalho corresponde a 30 horas semanais.

No total são ofertadas 10 vagas, sendo uma para pessoas com necessidades especiais (PNE).

Etapas do processo seletivo da PGE PE

Os concorrentes serão avaliados nas seguintes fases: 1) prova objetiva – constituída de 100 quesitos com 5 alternativas cada, sendo uma correta. A data prevista do exame é no dia 17 de março (sábado) no período da tarde e com duração de 5 horas, inclusive para preencher o cartão de resposta; 2) prova discursiva – em que os candidatos devem elaborar um parecer e uma peça processual. A data programada para essa etapa é dia 18 de março (domingo) no período da manhã e com duração de 5 horas; 3) avaliação de títulos – em que serão considerados diplomas de especialização, de mestrado e doutorado, trabalhos jurídicos autorais publicados em periódicos, curso de extensão universitária, livro de própria autoria publicado na área da ciência jurídica, título de professor de Direito, exercício em entidades públicas e arrazoados forenses.

As disciplinas cobradas na prova de múltipla escolha são: direito ambiental, direito constitucional, tributário, administrativo, civil, empresarial, processual civil, direito do trabalho, financeiro, processual do trabalho, previdenciário e penal.

Mais informações sobre o concurso

Quem quiser conferir mais detalhes do processo seletivo, pode acessar o site do CEBRASPE (www.cespe.unb.br/concursos) e verificar o edital.

O certame da PGE PE será válido por 2 anos e poderá ser prorrogado, a contar da homologação, por igual período uma única vez, e a critério da administração pública.

O último concurso do órgão ocorreu no ano de 2009. Na ocasião, foram oferecidas 20 vagas para o cargo de procurador e a remuneração era de R$ 6,6 mil.

Aproveite a oportunidade e realize sua inscrição.

Por Melisse V.