Concurso IFRN 2015 abre 41 vagas de emprego

     

Seleção oferece vagas no cargo de Técnico-Administrativo na área de Educação.

A Coordenação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) lançou dois editais referentes ao processo seletivo que será aberto no órgão. As vagas serão preenchidas no posto de Técnico-Administrativo na área de Educação. A banca organizadora que foi escolhida neste concurso é a FUNCERN. As vagas são destinadas para os diversos níveis de escolaridade. A carga horária será entre 20 até 40 horas por semana. As remunerações mensais dos aprovados irão oscilar entre R$ 1.739,04 até R$ 3.666,54.

No primeiro edital (7/2015), estão sendo disponibilizadas 13 vagas nas profissões de Técnico em Arquivo, Auxiliar de Biblioteca, Tecnólogo para atuar no setor de Gestão Pública, Assistente em Administração e Enfermeiro.

No segundo edital (15/2015) estão sendo oferecidas 28 oportunidades nas seguintes colocações: Técnico de Laboratório no setor de Química, Técnico em Eletrotécnica, Tradutor de Linguagem, Técnico de Laboratório no ramo de Tecnologia Mineral, Intérprete de Sinais, Técnico em Química, Técnico no setor Têxtil, Técnico na área Mecânica, Técnico de Laboratório no ramo de Edificações e Técnico em Alimentos e Laticínios.

Neste certame também será reservada algumas oportunidades para pessoas que sejam portadoras de necessidades especiais e para negros.

O período das inscrições irá iniciar no dia 30 de junho e será encerrado no dia 15 de julho. Para se inscrever é necessário acessar o site da organizadora: www.funcern.br. Neste portal, os candidatos também poderão acessar os editais e obterem maiores informações sobre o concurso público. Para validar a inscrição será cobrada uma taxa dos candidatos entre os valores de R$ 41,00 até R$ 87,00, conforme a carreira almejada.

O exame seletivo será composto por avaliações objetivas, sobre assuntos da atualidade e também conhecimentos específicos de cada área. A prova irá suceder no dia 23 de agosto de 2015, na região de Natal (RN). A validade do certame será por um período de 2 anos, tendo a possibilidade deste prazo ser prorrogado por mais 2 anos.

Por Felipe Couto de Oliveira