Concurso DER-DF 2015 está previsto para ser realizado em breve

     

Mais um concurso está por vir no Distrito Federal. Trata-se do certame do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER/DF) cujo edital pode ser lançado ainda no primeiro semestre deste ano. O órgão está realizando um levantamento para verificar a disponibilidade de pessoal e após este começará a ser elaborado o edital que normatiza o novo concurso público. Só depois do esse levantamento será definido o número de vagas e os cargos oferecidos.

O último concurso do DER/DF aconteceu em 2008 e contou com 221 vagas de níveis médio e superior. Os aprovados teve remunerações que variam entre R$ 2.231,08 e R$ 2.891,27. Na ocasião, a banca orgaizadora foi Instituto Cetro.

As vagas de nívvel médio eram para os cargos de Motorista (35), Operador de Máquinas (40), Agente Administrativo (25), Desenhista (6), Técnico de Trânsito Rodoviário (60), Técnico em Edificações (16), Técnico de Contabilidade (3), Técnico de Estradas (5), Técnico Operacional em Faixas de Domínio (5) e Topógrafo (8).

Já as de nível superior foram de Engenheiro Civil (9), Administrador (1), Biólogo (1), Direito e Legislação (1), Analista de Sistemas (1), Arquiteto (1), Engenheiro Florestal (1), Estatístico (1), Geógrafo (1) e Geólogo (1).

A seleção foi composta de provas objetivas com questões de português, matemática, raciocínio lógico, noções de direito administrativo, atualidades, noções de informática, lei orgânica distrital e conhecimentos específicos.

O certame também reservou vagas aos candidatos portadores de necessidades especiais, contudo era preciso comprovar a deficiência por meio de laudo médico. Na próxima seleção é aguardado que também ocorra a reserva, mas nada foi informado se haverá reserva aos candidatos afrodescendentes.

Trata-se de uma ótima oportunidade para concurseiros de Brasília e região. Como as provas ainda podem demorar para acontecer, os interessados tem um bom tempo para se prepararem para o concurso público. É importante ler o edital e procurar questões similares as aplicadas nos últimos concursos.

Por Ana Rosa Martins Rocha